Lâminas metálicas para fachada

Possivelmente o primeiro material que vem à cabeça quando o assunto é fachada moderna são as lâminas metálicas. O principal motivo é a variedade de estilos que podem ser explorados nos projetos, o que permite desenvolver assinaturas únicas. 

Hoje, é possível afirmar que as lâminas metálicas para fachadas estão entre os materiais mais eficientes, visto a série de benefícios que trazem à edificação. Você tem à disposição um produto altamente funcional, pensado para otimizar todas as fases da instalação, aproveitar os recursos naturais, entre outras vantagens. Entenda mais.  

Como usar as lâminas para fachada

As lâminas para fachada possuem diferentes aplicações, de acordo com o material e proposta. Entre as mais interessantes, podemos destacar: 

Brises

Uma das principais aplicações das lâminas de metal para fachada é o brise soleil, ou apenas brise. As lâminas formam as aletas dos brises, que podem ser fixas ou móveis, permitindo o fechamento e abertura quando for necessário, assim é possível regular a passagem de luz e ventilação. 

As lâminas aqui também podem ser dispostas na vertical ou horizontal, conforme a orientação em que é voltada à fachada. As aletas horizontais são indicadas para as fachadas voltadas para o norte, pois permitem um melhor aproveitamento desses recursos, enquanto as verticais são destinadas às fachadas leste e oeste. 

Lâminas como revestimento

O uso de lâminas de metal como revestimento é uma das melhores soluções para prédios comerciais e residenciais. É uma opção de acabamento que preserva a fachada, proporciona excelente qualidade estética e permite desenvolver uma identidade visual própria. 

Fachadas translucidas

A translucidez vem ganhando força na arquitetura. A ideia aqui é criar uma camada exterior que proporciona uma continuidade na fachada, filtra parte dos raios de sol, mas ainda assim facilita a entrada de luz natural e oferece privacidade. À noite, as fachadas translucidas também permitem a entrada de luz da lua, o que passa uma ótima sensação. 

A vantagem aqui está nos materiais, como as chapas expandidas, cuja variedade de malha permite a criação de projetos funcionais e com leveza visual. Com a tecnologia atual de extrusão e corte, é possível adquirir as medidas, aberturas e demais padrões para adequação à proposta. 

Fachadas respiráveis

As fachadas respiráveis têm uma abordagem semelhante às fachadas translúcidas, no entanto, o foco é o aproveitamento da ventilação natural. Geralmente são aplicadas chapas expandidas ou chapas perfuradas devido ao formato que permite a passagem de ar. A grande vantagem aqui é a redução de custos com sistemas de ventilação ou resfriamento. 

Projetos mistos

Os projetos mistos reúnem diferentes tipos de lâminas metálicas, com formatos, materiais e orientações variados. Também é possível diversificar com outras matérias-primas além dos metais, como concreto e madeira. Tudo vai depender do estilo que pretende aplicar.  

Quais os materiais mais comuns

Hoje em dia, buscando o aproveitamento de recursos, otimização e agilidade na execução dos projetos, determinados materiais têm destaque na produção de lâminas metálicas. São eles:

  • Alumínio – relativamente leve, o alumínio apresenta ótima resistência mecânica e agentes externos, permitindo seu emprego em diversos tipos de projetos de fachadas;
  • Aço carbono – é o material que compõem a maior parte das chapas de aço. A vantagem aqui está na durabilidade do material. 
  • Aço inox – o aço inox recebe uma camada de cromo, o que proporciona não só o visual estético característico, mas também uma maior resistência à corrosão. 
  • Aço corten – o aço corten é um aço que recebe a adição de outros elementos como cobre, fósforo, níquel e cromo que criam uma camada extra de proteção, chamada pátina. Essa camada proporciona aquela coloração semelhante à ferrugem, mas que é muito bem aproveitada em projetos arquitetônicos modernos. 
  • ACM – o ACM é uma chapa formada por duas camadas de alumínio e o interior de polietileno. Trata-se de um material versátil, resistente e que proporciona um acabamento incrível para as fachadas.
  • Chapas expandidas – são chapas de aço, alumínio ou outro metal que passaram pelo processo de extrusão e corte para ficarem com um aspecto semelhante a uma tela de metal, só que altamente resistente. É comumente usada em fachadas com um estilo translúcido ou respirável. 
  • Chapas perfuradas – É uma chapa, que como o nome sugere, recebe perfurações. Como existe uma gama de formatos e desenhos, esse material permite a execução de fachadas incríveis, versáteis e funcionais. 

As vantagens das lâminas metálicas para fachadas

Há uma série de benefícios em usar as lâminas em fachadas. A versatilidade é o principal, já que é possível desenvolver uma infinidade de projetos com tantos materiais, formas, disposições e abordagens. 

Quando comparado a outros materiais, como madeira, as fachadas metálicas apresentam uma vida útil bastante elevada, resistência à corrosão e às intempéries do clima, como calor, frio, ou chuva. A manutenção também é simples, exigindo apenas a limpeza esporádica e adição de lubrificante em áreas muito úmidas ou que sofrem com a maresia. 

Essas lâminas são pensadas para trazer maior agilidade, começando pelo manuseio, passando pelo transporte, armazenamento e principalmente a instalação. Os métodos de fixação estão cada vez mais modernos e simples, a fim de reduzir o tempo de execução do projeto. 

Por fim, mas não menos importante, temos o apelo sustentável. Atualmente, metais como o alumínio e o aço apresentam uma elevada taxa de reciclagem. Quando associadas ao aproveitamento de recursos naturais disponíveis, como luz e ventilação, as chapas tornam-se um dos materiais para fachadas mais interessantes. 

São muitos benefícios que não devem ser deixados de lado na escolha dos materiais para compor a fachada. Você tem à disposição mais do que um simples material, mas um verdadeiro ativo, que vai valorizar o imóvel como todo.

Postagens Relacionadas
Deixe um comentário